Home / Dicas / Roteiro de 4 dias em Londres – Dia 2
Roteiro de 4 dias em Londres – Dia 2

Roteiro de 4 dias em Londres – Dia 2

No segundo dia em Londres vamos conhecer os seguintes pontos:

  • Hay’s Gallery – poucas pessoas percebem este shopping, mas tem esculturas lindas, um teto de vidro incrível e muitos restaurantes
  • HMS Belfast – navio da Segunda Guerra Mundial que fica ancorado no Tâmisa. É possível visitá-lo, pois ele foi transformado em museu
  • London City Hall – Prefeitura de Londres, construída pelo super criativo e famoso arquiteto britânico Sir Norman Foster, dono de muitas outras obras fantásticas em Londres e ao redor do mundo
  • Tower Bridge
  • Sherlock Holmes Museum
  • Beatles Store
  • Madame Tousauds – Museu de Cera. Não visitei, mas fica no caminho da casa de Sherlock, por isso o incluí no roteiro. É uma sugestão.
  • Estação King’s Cross/St Pancras. Fui para ver com meus próprios olhos se era linda assim como aparece nos filmes. E sim, é muito mais linda ao vivo! Costumo dizer que a mãe da Estação da Luz de São Paulo. Os britânicos fazem estações de trem muito bem! 😉
  • Candem Town – o verdadeiro retrato da diversidade londrina. Imperdível!
  • British Museum – Fabuloso! Horas e horas perdida por lá. O pátio deste museu, aliás, foi coberto por outra obra fantástica do Sir Norman Foster. O cara reina por lá!
  • St. Paul’s Cathedral
  • Millenium Bridge – Outra obra linda de Sir Norman Foster. Elas estão por toda Londres
  • Tate Modern Gallery
  • Shakespeare Globe

Acordar cedinho como no primeiro dia e partir para a margem do Rio Tâmisa na altura da London Bridge Station. Caminhar admirando a paisagem da cidade às margens do Tâmisa é bom demais! Soma-se a isto a Hay’s Gallery, o HMS Belfast (navio de guerra), a Prefeitura de Londres (Câmara Municipal / City Hall) e a linda Tower Bridge.

É bem comum que as pessoas, depois de passar pela Tower Bridge, queiram visitar a Torre de Londres (Her Majesty’s Royal Palace and Fortress The Tower of London, ou apenas Tower of London), onde ficam as jóias da coroa britânica, porém eu tinha outras prioridades e não fui. Para quem tem mais tempo ou quer abrir mão de outro ponto da cidade, certamente é uma excelente visita.

Mapa da primeira parte do roteiro:

Bem, depois de atravessar a Tower Bridge seguimos para a Estação Tower Hill e fomos até Baker Street Station para visitar o Museu de Sherlock Holmes. Geralmente tem fila, então vá cedo. Para quem se interessar, a Beatles Store fica ao lado deste museu e uma outra loja de produtos sobre rock fica em frente. Outro museu famoso é o Museu de Cera Madame Tussouds, que fica pertinho também, logo na saída do metro. A fila é enorme, chegue cedo.

Museu de Sherlock Holmes / The Sherlock Holmes Museum
Quanto? £10, cerca de R$31 ou U$12 (câmbio de Dezembro de 2014).
Quando? 9h30min às 18h, fica aberto todos os dias do ano exceto dia de Natal..
Onde? O endereço mais famoso do mundo, 221b Baker Street – Estação de metrô Baker Street.

Museu de Cera Madame Tussouds
Quanto? £30, mas é possível que você compre com desconto se comprar pelo site – confira no final desta postagem).
Quando? O calendário deste museu tem vários horários diferentes dependendo da época e do dia, mas como regra funciona todos os dias das 9h30min às 17h30min. É fechado dia 25 de dezembro.
Onde? Marylebone Road, London, NW1 5LR – Estação de metrô Baker Street.

Segunda parte do roteiro do segundo dia

Do museu voltei para a Baker Street Station e segui para a Kings Cross/Saint Pancras Station (que recebe as linhas amarela, lilás, roxa, azul, preta, azul clara e azul escura, que é a Piccadilly). Essa passagem pela St Pancras pode ser dispensada se você não for fã de Harry Potter e não for passar por lá para outra coisa, mas adianto que a estação é linda, e se você gostar de arquitetura, vai ficar enlouquecido por lá. Como não abro mão de bater uma foto na plataforma 9 3/4, é claro que eu fui.

Da St Pancras peguei outro metrô e fui para Camden Town (linha preta, com estação de mesmo nome). É uma região com vários mercados e cada um deles com várias lojas de roupas (góticas, punk e tudo mais que você possa imaginar) e restaurantes. A sugestão é passear por lá, ver as eclusas manuais de madeira e visitar o Stables Market, um mercado que funciona em um antigo estábulo, a decoração é muito peculiar, com cavalos por todos os lados, muito bonito, as lojas funcionam onde ficavam os estábulos e o local onde eram estacionadas as carruagens hoje é a praça de alimentação. Achei fantástico! Sem falar que na praça de alimentação algumas mesas são umas garupas de moto!

Veja as 7 dicas imperdíveis de como planejar sua viagem

Camden Town foi o lugar que eu considerei o retrato da diversidade londrina. Vale muito a pena a visita. Tem restaurantes de todos os tipos. Almocei e lá e recomendo.

Depois de explorar os mercados, as lojas e as comidas em Camden Town, fui ao British Museum, onde também há mais uma obra de arte de Sir Norman Foster, a cobertura do pátio central do museu.
Metrô de Camden Town ao British Museum: Linha Preta – Estação Camden Town para a Estação Tottenham Court Road, mas observe bem quando for pegar o metrô, pois a linha preta se divide em duas, e apenas uma delas passa pela Estação Tottenham Court Road.

Depois de algumas horas do British Museum, peguei outro metrô e fui para a St. Paul Station e então segui para a Catedral de mesmo nome. Depois da visita segui pela Peters Hill, rua que leva à linda Milenium Bridge (mais uma obra incrível de Sir Norman Foster e onde também foi cenário de um dos filmes de Harry Potter). Atravessei a Milenium Bridge e segui até o Tate Modern, museu de arte contemporânea.

Tate Modern
Quanto? Gratuito, com exceção de quando é para exposições especiais.
Quando? Segunda a quinta-feira das 10h às 18h. Na sexta-feira e no sábado fecha às 22h. A última admissão é 45 minutos antes do encerramento das visitas.

Quase vizinho ao Tate Modern tem o incrível Shakespeare Globe, que foi construído com os mesmos aspectos da época de Shakespeare, inclusive a parte interna, mas infelizmente começou uma chuva torrencial e nem foto eu consegui bater.

Mapa da terceira parte do roteiro:

O Hard Rock London é sempre uma boa sugestão para terminar a noite. Na região tem outros pubs e restaurantes também.

 

Posts relacionados:
Roteiro de 4 dias em Londres – Dia 1
Roteiro de 4 dias em Londres – Dia 3
Roteiro de 4 dias em Londres – Dia 4
Como é o passeio na London Eye

Sites de interesse:

Sherlock Holmes Museum
Natural History Museum
Tate Modern
St Pauls Cathedral
The British Museum
Shakespeare Globe
Madame Tussouds (Wax Museum) 

Viajou pra Londres e tem dicas de roteiro? Deixa um comentário e compartilha com a gente! 🙂

 

Sobre Priscila Lima

Administradora apaixonada por viagens e que aproveita cada dia de folga para descobrir uma coisa nova pelo mundo. Compartilhar informações sobre qualquer coisa e cuidar deste site são seus passatempos favoritos.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

*

Subir
%d blogueiros gostam disto: