Home / Dicas / Metro de Lisboa – Dicas
Metro de Lisboa – Dicas

Metro de Lisboa – Dicas

Metro de Lisboa – dicas sobre quais as estações e quais os lugares de interesse e os pontos turísticos mais visitados pelos turistas em Lisboa.
Sugiro que antes de sair de casa para visitar Lisboa verifique se haverá alguma paralização ou alteração no trem (comboio) ou no metrô (metro).

No metrô de Lisboa há 4 linhas: azul, amarela, verde e vermelha.

Seguem algumas dicas:

Linha Azul:

  • Santa Apolônia: fica pertinho do Rio Tejo, faz ligação com o trem com destinos nacionais (Porto etc) e internacionais (como Madri), dentre outros. A estação é uma das mais antigas de Lisboa, foi construída em 1.865 e tem uma boa estrutura de lojas, inclusive conta com um supermercado em seu interior.
  • Terreiro do Paço: Também chamado de Praça do Comércio, um grande e belo espaço em Lisboa bem em frente ao Rio Tejo. A prefeitura e alguns prédios do governo ficam nas ruas que cercam a praça. Do lado oposto ao rio está o Arco da Rua Augusta, te levando à conhecida rua do mesmo nome. Lá você vai encontrar o MUDE, Museu do Design e da Moda, muitas lojas, pastelarias (docerias e padarias) e restaurantes. Na Rua Augusta também fica o acesso inferior do Elevador de Santa Justa. Continue seguindo em frente e você vai chegar à linda Praça do Rossio, onde fica a estação de mesmo nome, mas da linha verde.
  • Baixa-chiado: Na minha opinião é a região mais bonita de Lisboa. É onde ficam os Armazéns do Chiado (shopping central e pequeno se comparado ao Colombo e ao Vasco da Gama, mas com ótimas lojas e uma vista linda da Rua Garrett, onde está a famosa estátua de bronze do poeta Fernando Pessoa. Existe uma loja FNAC no andar de baixo do shopping). Em frente aos Armazéns do Chiado fica a Santini, uma das melhores gelaterias italianas que já fui (também existe uma Santini em Cascais). Na Santini também é vendido “o bolo de chocolate mais gostoso do mundo”, e que de fato é uma delícia. Seguindo a Rua Gaaret você encontra o restaurante “A Brasileira”, dentre outros, e ao fim da rua está o Consulado Brasileiro. De lá você chega às Ruínas do Convento do Carmo, um espetáculo, inclusive, e bem ao lado das ruínas fica o acesso superior do elevador de Santa Justa, de lá se tem uma boa vista das muralhas do Castelo de S. Jorge, você pode aproveitar e bater umas fotos. Nota: como esta região é muito rica em história e arquitetura, muitos outros pontos que citarei relacionados a outras estações podem ser visitados a partir desta estação. Baldeação com a linha verde.
  • Restauradores: Praça dos Restauradores, onde ficam o Hard Rock Cafe fica bem na esquina, em frente ao centro da praça e também o Teatro Éden. A Pç. dos Restauradores inicia (ou termina) a Avenidade da Liberdade, nome de nossa próxima estação. Fica vizinho a Praça do Rossio, Estação do Rossio, Teatro Municipal. A Loja do Cidadão (é uma central onde são oferecidos serviços aos moradores da cidade, assim como tem em muitas cidades do Brasil) também fica aqui.
  • Avenida: Av. da Liberdade, onde ficam as lojas mais caras da cidade (marcas italianas, francesas etc). Liga a Praça dos Restauradores ao Parque Eduardo VII. A caminhada é um pouco longa mas vale a pena o parque é lindo e de lá de cima se vê Lisboa e o rio Tejo ao fundo.
  • Marquês de Pombal: agência do Banco do Brasil, Parque Eduardo VII.
  • Parque: Parque Eduardo VII (fica na lateral do parque). Também contempla uma enorme e famosa loja espanhola de departamento chamada El Corte Inglés.
  • São Sebastião: há correspondência com a linha vermelha. Tem uma saída da estação para a loja El Corte Inglês, de la é possível ir para o Parque Eduardo VII também.
  • Praça de Espanha: Fundação Calouste Gulbenkian e seus jardins.
  • Jardim Zoológico: como o nome diz, é onde fica o Jardim Zoológico. Ao lado fica a estação Sete Rios de onde saem os ônibus (autocarros) para cidades do interior e para outros países (como Sevilla, na Espanha, por exemplo). Também há correspondência com trens (comboios).
  • Colégio Militar/Luz: Centro Comercial Colombo, um dos maiores shoppings da Europa, e o Estádio da Luz, do time Benfica.

Linha Amarela:

  • Marquês de Pombal: já citado.
  • Saldanha: centro nervoso da cidade, uma espécie de Avenida Paulista, onde se encontram muitos prédios comerciais, bancos e o Átrio Saldanha (espécie de centro comercial, shopping). Há baldeação com a linha vermelha.
  • Campo Pequeno: Avenida da República, onde fica localizada a Praça de Touros de Campo Pequeno, onde acontece corrida de touros e espetáculos musicais variados, é uma construção muito bonita.
  • Entre Campos: Também é estação de trem.
  • Cidade universitária: dá acesso a bibliotecas e universidades de Lisboa.
  • Campo Grande: ligada à rodoviária. Baldeação com a linha verde.

Linha Vermelha:

  • A novidade sobre o metro de Lisboa está bem aqui, na mais nova das linhas, a Oriente. Seu percurso ganhou mais 3 estações em 2012 e agora tem ligação direta com o aeroporto! (Na verdade os táxis em Lisboa não são caros, então dependendo da distância, da quantidade de malas e de quantas pessoas estão com você – para dividir o valor – é mais interessante o táxi). O importante é que Lisboa agora entra na lista das poucas cidades do mundo que oferecem esta opção.
  • Oriente: uma das estações mais novas do metro de Lisboa, no Parque das Nações, uma área recentemente construída. Há um grande terminal de ônibus (autocarros) internacionais e intermunicipais. É o acesso ao Centro Comercial Vasco da Gama, Oceanário de Lisboa, bondes às margens do Rio Tejo, Parque das Nações, Pavilhão Atlântico, Centro de Convenções, Casino Lisboa. Vale muito a pena um passeio por lá. E se você quiser ir ao Outlet, é de lá que sai o ônibus.
  • Alameda II: baldeação com a linha verde (Alameda I).
  • São Sebastião: Fundação Calouste Gulbenkian, Comunidade Islâmica de Lisboa.

Linha Verde:

  • Cais do Sodré: há correspondência com o trem (comboio) e os barcos (transtejo). De lá sai o trem para Cascais, passando por Belém e Estoril, dentre outras estações (paragens).
  • Baixa-chiado: já citado na linha azul. Baldeação com a linha azul.
  • Rossio: Praça do Rossio, Teatro Municipal. Esta estação fica entre a Praça dos Restauradores e a Praça da Figueira, de onde se pega o bonde 28 para ir ao Castelo de São Jorge.
  • Matim Moniz: Bonde ou microonibus para o Castelo de São Jorge. Mirante (Miradouro) da Graça, Catedral da Sé.
  • Alameda: baldeação com a linha vermelha.
  • Campo Grande: ligada à rodoviária. Baldeação com a linha amarela.

Para mais detalhes sobre o tema, acesse o diagrama do metro e clique sobre as estações para obter mais informações.

Posts relacionados:
Roteiro de 3 dias em Lisboa
Como ir de Lisboa ao Santuário de Fátima – Portugal
Como ir ao Cabo da Roca, em Sintra, Portugal
Como montar sua viagem usando o Google Maps

Sobre Priscila Lima

Administradora apaixonada por viagens e que aproveita cada dia de folga para descobrir uma coisa nova pelo mundo. Compartilhar informações sobre qualquer coisa e cuidar deste site são seus passatempos favoritos.

2 comentários

Deixe uma resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

*

Subir
%d blogueiros gostam disto: