Home / Dicas / Dicas sobre Roma
Dicas sobre Roma

Dicas sobre Roma

Seguem algumas dicas sobre Roma, principalmente se você está indo pela primeira vez:

→ Do aeroporto para a estação Termini tem o aeroshuttle (ônibus de viagem, muito confortável), todas malas vão na parte inferior, dentro do ônibus apenas bolsa pequena e nada de lanches, ou você vai levar um carão do motorista.

Valores:
Aeroporto Fiumicino – Termini: € 6 – Outra opção: trem.
Aeroporto Ciampino – Termini: € 4.
Existem outras empresas de ônibus, transfer privado e claro, os táxis, mas minha opção foi o shuttle SIT, confortável e barato. Mais informações sobre este ônibus em http://www.sitbusshuttle.com/en/

→ Em Roma tem apenas duas linhas de metrô, a A (nas figuras, a laranja ou a vermelha) e a B (azul). A linha A tem trens novos, limpos e não tem acessibilidade para deficientes, é ela que leva ao Vaticano; a B é toda pixada e velha, mas tem acessibilidade para deficientes, é a do Coliseu. O ticket custa € 1. As estações por onde passei são sujas, com infiltração, não tem conforto para o usuário. A Termini, estação central, quase nem tem cadeiras, ou se tem não as vi. Mais informações sobre o metro em http://www.atac.roma.it/

Mapa do Metrô de Roma

Mapa do Metrô de Roma

Metro de Roma

Metro de Roma

→ Leve adaptador para a tomada.

→ Compre um cartão de memória com espaço suficiente para a máquina e de preferência use uma câmera boa, pois é necessário habilidade fotográfica para se conseguir boas fotos. O uso do flash muitas vezes ofusca a beleza da iluminação própria dos pontos turísticos. Os monumentos parecem ser mais lindos ainda durante a noite.

→ Trânsito: um caos. A cidade não tem boa sinalização para quem percorre os pontos turísticos a pé, isto se nota principalmente nas inúmeras vias que dão acesso à Piazza Navona, ao Pantheon, à Fontana de Trevi. Preste atenção na hora de atravessar uma rua, os romanos não respeitam as faixas de pedestres.

→ Na Basílica de São Pedro tem porta-bagagens. Então se você tiver pouco tempo e quiser ir direto para lá, terá onde deixar seus pertences.

→ Mapa: tenha sempre um mapa em mãos e um Guia para se orientar e saber a história de cada ponto turístico, a Folha de São Paulo e o Lonely Planet são os melhores na minha opinião, mas um mais simples também é válido. Há muitas coisas interessantes que não sabemos.

→ Conforto: é importante calçado e roupa confortáveis. Levar um lanchinho e uma garrafinha de água é interessante, pois nem sempre terá água ou comida onde você sentir sede ou fome. Use tênis, pois andar de salto alto no Foro Romano é pedir para quebrar o pé.

→ Souvenir: deixe para comprar perto da Piazza Navona, são as melhores e mais baratas. Consegue-se comprar 1 item por 1 euro, enquanto nas outras lojas o mesmo item custa 4 ou 3 euros.

→ Alimentação: dispense McDonalds. Estar na Itália te obriga a saborear as maravilhas da culinária italiana. O sorvete e a pasta são obrigatórios.

→ Pesquise sempre o que as atrações oferecem, como por exemplo a Basílica de São Pedro, que além da subida para a cúpula, tem a visita aos túmulos dos papas.

→ Os dois euros pagos no elevador para “pular” 255 degraus na subida para a cúpula da Basílica de São Pedro compensam se levar em consideração que você está começando seu dia pelo Vaticano e depois vai percorrer toda Roma a pé. Neste caso economize perna.

→ Compre um Pinóquio, é o símbolo local. 🙂

 

 

Sobre Priscila Lima

Administradora apaixonada por viagens e que aproveita cada dia de folga para descobrir uma coisa nova pelo mundo. Compartilhar informações sobre qualquer coisa e cuidar deste site são seus passatempos favoritos.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicadoOs campos marcados são obrigatórios *

*

Subir
%d blogueiros gostam disto: